Produção orgânica ou agroecológica: qual a diferença?

diferença entre produção orgânica e agroecológica

Será que existe diferença na produção de alimentos orgânicos e agroecológicos?

Esta é uma dúvida que vem aumentando, à medida que a procura por produtos limpos e saudáveis cresce no Brasil, principalmente depois da pandemia.

Em primeiro lugar, é preciso entender que, embora os dois termos se referem a um processo de produção semelhante, eles contam com distinções importantes.

Se você tem a intenção de plantar em sua propriedade, ou apenas quer saber identificar na hora de comprar, é importante aprender a distinguir, sem erros, esse dois sistemas. Vem descobrir como!

O que é produção orgânica?

regando a terra para proudção orgânica

Para produzir um alimento orgânico, assim como o agroecológico, é necessário contar com um processo produtivo natural.

Mas não apenas isso. É preciso ter responsabilidade com o uso do solo, da água, do ar e de todos os recursos naturais.

Portanto, a produção desse tipo de alimento não utiliza:

  • Agrotóxicos
  • Adubos químicos
  • Fertilizantes
  • Transgênicos
  • Hormônios
  • Ou qualquer substância sintética que estimule o crescimento da planta ou que agrida o meio ambiente.

À primeira vista, você deve achar que é difícil produzir um alimento limpo sem ter prejuízo, certo?

Mas, na verdade, a lógica é simples: quando se respeita o equilíbrio do ecossitema, é possível produzir plantas resistentes a pragas e doenças, sempre promovendo o rodízio de culturas e privilegiando a diversidade.

O selo

selo de produto orgânico

Segundo a Técnica Agrícola da Fetraf-SC, Karina Carvalho, “para receber o selo que atesta a certificação, o produto deve ser composto de no mínimo 95% de ingredientes orgânicos”.

Portanto, se você consome esse tipo de produto ou pretende começar a consumir, deve sempre procurar o selo na embalagem quando a compra acontecer em supermercados.

Mas atenção: nas feiras, agricultores e agricultoras familiares que fazem venda direta não precisam, necessariamente, desse selo. Para esses casos, é exigido o credenciamento em uma organização de controle social cadastrada em órgão fiscalizador oficial.

Isso significa que esse cadastro está disponível para você checar quando quiser!

É por isso que nas feiras da Agricultura Familiar existe uma relação de troca e confiança entre quem produz alimentos e quem consome.

Uma boa ideia é combinar uma visita à propriedade do feirante ou da feirante. Assim, é possível conferir de perto todo o processo de produção do alimento que você leva para casa.

Veja a fala da Técnica Agrícola da Fetraf-SC, Karina Carvalho, a respeito desses dois sitemas de produção:

vídeo sobre produçaõ orgânica e agroecológica

O que é produção agroecológica?

agricultor cuidando da produção agroecológica

Você já sabe que um alimento orgânico deve ser produzido sem o uso de veneno e de substâncias que afetam a estrutura da planta ou que agridam o meio ambiente.

Mas e a produção agroecológica, tem diferença? A resposta é sim.

Na produção agroecológica se considera todos esses elementos que já citamos, mas existe uma divergência no olhar sobre a produtividade e sobre a lógica do mercado.

Quer um exemplo? No modo agroecológico de produção, existe a preocupação com a preservação dos saberes locais e a valorização da trajetória das famílias que produzem.

A agroecologia entende que a interação entre diferentes alimentos diminui a necessidade de insumos externos. Por isso, ela rompe com a monocultura, aonde é mantido apenas um tipo de cultivo.

Dessa forma, a produção agroecológica propõe um novo sistema focado na diversidade e na transferência de saberes entre as gerações.

Resumindo, a agroecologia tem mais responsabilidade social e ambiental!

Onde encontrar

Primeiro, é preciso enfatizar que não existe selo nem certificação para esse tipo de alimento.

Mas, não se preocupe. Ainda que não seja a mais fácil das tarefas, existem maneiras de encontrar produtos agroecológicos.

Lembra de quando falamos da relação de confiança entre quem produz e quem consome?

Se você considerar que todo produtor de agroecológicos iniciou com a produção de orgânicos, conversar com feirantes é uma boa maneira de saber quem produz o alimento limpo que você quer.

Quando você compra nas mesmas tendas, estabelece uma relação de confiança com a agricultora ou agricultor que está do outro lado. Isso facilita uma visita à propriedade para conhecer o processo.

Agora que você sabe a diferença entre produção orgânica e agroecológica, veja como foi o encontro que a Agricultura Familiar organizou no Oeste de Santa Catarina para fortalecer as feiras de produtos agroecológicos.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Mais postagens